Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

junho 26, 2013

Os Anos de Concertos - 1970 - 26 de fevereiro a 01 de março (Houston)








ASTRÓDOMO DE HOUSTON
27 de fevereiro a 01 de março de 1970
6 espetáculos

O Astródomo de Houston foi escolhido pelo Coronel Parker para ser o primeiro local onde Elvis atuaria fora de Las Vegas. Isto foi feito por vários motivos, mas nenhum deles foi porque o local era adequado ao tipo de concerto que Elvis dava. “O Dome” era um edifício enorme, construído em 1965, sendo que a última das suas funções seriam os concertos. Era um estádio de basebol, onde o Houston Livestock Show and Rodeo acontecia todos os anos. E foi precisamente num programa de rodeo que o espetáculo de Elvis foi incluído.

Cerca de duas horas antes do primeiro concerto, no dia 27, Elvis deu uma curta conferência de imprensa para a televisão que teve lugar no Astroworld Hotel, onde Elvis estava hospedado em Houston. Quando lhe perguntaram sobre o motivo que o tinha levado a escolher o local gigantesco em Houston para o regresso aos palcos fora de Las Vegas, Elvis disse; “Pediram-me para atuar aqui e aceitei porque achei que me dava uma boa oportunidade de atuar mais uma vez perante um público maior.”
Elvis, que iria cantar sobre um palco com capacidade de rodar a 180º, tinha trazido consigo a sua banda e cantores de apoio de Vegas. Elvis chegou ao “Dome” de camioneta e foi conduzido para o interior do estádio num jipe vermelho enquanto acenava para a multidão. Quando subiu para o palco, foi a primeira vez na história do “Dome” que um concerto à tarde foi dado num dia de trabalho.
Elvis parecia nervoso no início do espetáculo e sofreu com o fraco som e a fraca acústica. Tal como em Las Vegas da última vez, iniciou o concerto com All Shook Up e cerca de 45 minutos mais tarde terminou com a agora já tradicional Can’t Help Falling in Love.
Cada espetáculo terminava sempre com uma ovação dada em pé por parte do público, que iam sempre aparecendo em maior número. O concerto da noite de sábado atraiu o maior público de todos os 6 concertos dados ali e as grandes luzes de néon no edifício confirmava que Elvis havia estabelecido um novo recorde para o “Dome” com um público de 43.614 pessoas. Este não foi apenas um recorde para o “Dome”, mas um recorde para um único concerto dado em toda a história de espetáculos de rodeo. 
Depois do último espetáculo, Elvis deu uma conferência de imprensa perante cerca de 100 jornalistas no Astroworld. Foi presenteado com 5 discos de ouro pelas vendas de discos num ano, fazendo dele o primeiro artista na história a ter alcançado tantos discos de ouro num só ano. A RCA apresentou discos de ouro pelos singles Don’t Cry Daddy, In the Ghetto e Suspicious Minds, assim como pelos LPs Elvis in Person at the International Hotel e From Elvis in Memphis.
Elvis declarou que tinha sentido uma grande excitação por ter atuado no “Dome”. “Sei que tenho um contrato para voltar a atuar no International, mas ainda não se decidiu nada acerca de outras atuações. Eu sabia que neste edifício tão grande eu não iria ser capaz de manter um contato tão pessoal com o público, por isso decidi trabalhar o mais que pudesse. O som preocupou-me durante o primeiro concerto porque podia ouvir o eco da minha própria voz, mas isto depois foi corrigido”.
 
Pouco depois das 15h00 Elvis deu saída do Astroworld com o seu casaco azul inspirado em Easy Rider, calças pretas, levando 20 malas e 3 guitarras e estando 1,2 milhões de dólares mais rico do que 3 dias antes.
Tudo em que ele tocava se transformava em discos de ouro e em recordes de audiência. Em apenas um ano ele tinha batido todos os recordes de audiência em Las Vegas, tinha atraído números recordes ao Houston Astrodome, vendeu 3 milhões de dólares em singles e o mesmo número em LPs, tinha tido o show de TV mais visto do ano e sido escolhido pela revista Cash Box como sendo o melhor artista solo do ano.

 
 Elvis transformou-se no principal artista de concertos ao vivo dos Estados Unidos e também no principal artista discográfico, depois de apenas ter tido 2 singles de sucesso nos últimos 7 anos, antes de tudo se ter virado a seu favor em 1968.
CANÇÕES CANTADAS

All Shook Up
Blue Suede Shoes (também usada como canção de abertura do concerto de 01 de março, às 19h00)
I Got a Woman
Long Tall Sally
Don’t Cry Daddy
Heartbreak Hotel
Hound Dog
Love Me Tender
One Night
Kentucky Rain
Release Me
Walk a Mile in My Shoes
In the Ghetto
I Can’t Stop Loving You
Polk Salad Annie
Suspicious Minds
Can’t Help Falling in Love


DATAS DE CONCERTOS

27/02/1970, sexta-feira – 14h00 – Houston, Texas – 16.708 pessoas a assistir – Macacão/Jumpsuit White Cossak
27/02/1970, sexta-feira – 19h45 – Houston, Texas – 36.299 pessoas a assistir – Macacão/Jumpsuit Thin Green Leaf
28/02/1970, sábado – 14h00 – Houston, Texas – 37.733 pessoas a assistir – Macacão/Jumpsuit Blue Brocade
28/02/1970, sábado – 19h45 – Houston, Texas – 43.614 pessoas a assistir – Macacão/Jumpsuit White Brocade
03/03/1970, domingo – 14h05 – Houston, Texas – 40.858 pessoas a assistir – Macacão/Jumpsuit White Pearl
03/03/1970, domingo – 19h00 – Houston, Texas – 27.777 pessoas a assistir – Macacão/Jumpsuit branco simples

Total: 6 concertos
27/02/1970, 19h45.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

back to top